As causas de coceira nas pernas são diversas, podendo ser apenas uma picada de pernilongo ou até um problema de circulação grave.

Dessa forma, é importante averiguar o problema de perto, e consultar profissionais da área com certeza é recomendado. No entanto, a origem da coceira reside, na maioria das vezes, nos eventos comuns do dia a dia.

Neste texto você vai aprender as 6 causas mais comuns de coceira nas pernas, como identificá-las e tratá-las. 

Não deixe de ler até o final!

1. Varizes causam coceira nas pernas

As varizes acometem cerca de 50% da população feminina. Ou seja, a chance de sofrer com a doença é alta e, por isso, é importante ficar atento aos detalhes.

Embora pareça um “mito” propagado pela população, as varizes causam sim coceira nas pernas. 

A coceira mais comum, neste caso, é próxima ao tornozelo, na parte distal das pernas (canelas e tornozelos).

O primeiro passo para desenvolver varizes é a falta de eficiência dos mecanismos de circulação das veias. Ou seja, elas não conseguem fazer com que o sangue circule pelo corpo, deixando-o preso principalmente nas pernas.

Assim, quando essas veias começam a apresentar problemas, a coceira pode surgir justamente para indicar essa doença.

Por fim, há também o ressecamento da região, sendo outra evidência do problema nas veias.

Se você apresentar ambos os sintomas, é extremamente recomendado consultar um médico especializado na área.

2. Lipedema

O lipedema é uma doença muito severa que tem como alvo principal as mulheres.

Em suma, formam-se depósitos de gordura principalmente nas pernas do paciente, os quais tendem a aumentar de tamanho e quantidade ao longo do tempo.

Embora esteja relacionada com gordura, distingue-se da obesidade em diversos fatores. Da mesma forma, deve-se evitar confundir lipedema com linfedema, dado que são doenças diferentes.

Uma das dificuldades dessa doença são os erros de diagnóstico, os quais ocorrem nos estágios iniciais. De fato, é difícil distinguir entre o lipedema e a obesidade, no início. A demora no tratamento pode agravar muito a situação do paciente.

Essa doença pode ser a causa de coceira nas pernas, pois atrapalha o trabalho das veias.

3. Pele seca causa coceira nas pernas

A pele seca é uma causa bastante comum de coceira nas pernas. Embora possa acontecer em qualquer idade, pessoas mais velhas tendem a sofrer com esse problema com mais frequência.

Fora a coceira nas pernas, é comum aparecerem outros sintomas, como: pele escamosa, áreas com tonalidades mais esbranquiçadas e/ou manchas vermelhas.

Uma forma bastante simples de se livrar da coceira é utilizar um hidratante no local. 

Além disso, um ponto que pesa bastante é a quantidade de água consumida ao longo do dia. Em resumo, cerca de 2 litros de água já mantêm o organismo hidratado, e pode servir como tratamento para esse caso de coceira, em especial.

4. Problemas de circulação

A má circulação é uma das causas de coceira nos membros inferiores. Como foi dito, o surgimento de varizes é precedido de coceira nas pernas, em alguns casos. Porém, a má circulação pode ocorrer por outros fatores também.

Em geral, pessoas que ficam muito tempo em pé apresentam problemas de circulação. A razão disso é que há maior desgaste das válvulas das veias, impedindo o sangue de circular com facilidade.

Fora a coceira, é comum sentir formigamento, sensação de peso nas pernas e inchaço.

Nessas ocasiões, pode-se realizar massagens nas pernas visando melhorar o trânsito sanguíneo local. Vale lembrar que manter as pernas elevadas pode ajudar bastante com a coceira.

Além disso, deve-se evitar ficar muito tempo em pé, assim como manter as pernas cruzadas por longos períodos.

5. Picada de inseto e alergias

As picadas de insetos podem se tornar verdadeiras dores de cabeça, não é verdade? A maioria deles prefere picar as pernas, dado que são partes que costumam ficar desprotegidas, além de em baixas elevações.

Identificar uma picada de inseto é fácil: há inchaço local, geralmente em formato circular, assim como vermelhidão no entorno da área.

Outra causadora de coceiras fortes é a alergia. Um caso comum é a coceira causada por plantas. Algumas plantas possuem toxinas que, ao entrar em contato com a pele, causam irritação. Assim, se você for alérgico a essas toxinas, o resultado final será muito desagradável.

Vale lembrar que existem pomadas específicas para ambos os casos.

6. Problemas no fígado ou rins

Por fim, embora seja raro, problemas no fígado ou rins podem acarretar coceiras nas pernas. A razão disso é que, com esses órgãos funcionando mal, há uma elevação de toxinas circulando em nosso organismo.

Assim, como as pernas são críticas para a circulação, é lá que a maioria das toxinas vai se depositar, o que causa a coceira.

Portanto, vale consultar um clínico geral para averiguar a sua situação.

Gostou das informações presentes neste conteúdo? Aproveite para compartilhar com seus amigos!