São Paulo, SP 29/4/2020 – O câncer não espera. E, com a nossa campanha, queremos alertar não só o paciente, mas também o sistema público e privado de saúde sobre isso.

Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia informa sobre o novo coronavírus e assuntos relacionados ao tratamento do câncer durante a pandemia

A Abrale – Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia desenvolveu um portal voltado especialmente para o paciente oncológico, com informações completas sobre a COVID-19 e assuntos relacionados especificamente ao tratamento do câncer durante a pandemia por conta do novo coronavírus.

O site S.O.S Coronavírus tem como principal objetivo explicar, de forma simples e direta, muitas das dúvidas que chegam diariamente aos canais de comunicação da entidade. Muitos pacientes questionam sobre os sintomas da COVID-19, como deve ser a prevenção, as mudanças no tratamento do câncer durante a pandemia e como o paciente deve fazer se contrair a doença.

O portal também aborda questões como os direitos do paciente que precisa se afastar do trabalho, aspectos emocionais durante a pandemia, alimentação e imunidade, além das dúvidas sobre a vacinação e doação de sangue.

“A pandemia do coronavírus gera um impacto direto no sistema de saúde do Brasil. Sabemos que as dificuldades são muitas, e que inúmeras pessoas estão sofrendo com os sintomas e agravamento da COVID-19. Todas merecem ser tratadas e, por isso, todo cuidado é necessário para que não falte respiradores, leitos, insumos, medicamentos”, afirma a presidente da Abrale, Merula Steagall. Mas, em meio a tudo isso, são esperados mais de 625 mil novos casos de câncer no Brasil neste ano. “Diagnosticar a doença logo início continua sendo essencial. Tratar a doença, também. E, durante o coronavírus, como fica este paciente? O câncer não espera. E com a nossa campanha, queremos alertar não só o paciente, mas também o sistema público e privado de saúde sobre isso”, ressalta Merula.

De acordo com a Sociedade Brasileira de Oncologia Clínica (SBOC), pacientes com tumores de sangue, como linfomas, leucemias e mieloma múltiplo podem ser mais vulneráveis ao novo coronavírus, por conta do tratamento que deixa sua imunidade em patamares muito baixos. Nem todos os pacientes com câncer estão imunossuprimidos, mas ainda assim é fundamental tomar todos os cuidados para evitar a infecção.

A Abrale também produziu uma minissérie especial S.O.S Coronavírus, com entrevistas com pacientes e especialistas. Um vídeo novo vai ao ar toda quinta-feira, às 19h, e fica disponível para ser assistido no site.

Sobre a Abrale
A ABRALE – Associação Brasileira de Linfoma e Leucemia é uma das mais conceituadas e importantes associações que trabalha em todo o país para democratizar o tratamento e qualidade de vida de pessoas com doenças hematológicas (linfoma, leucemia, mieloma múltiplo, mielodisplasia, PTI, mieloproliferativas).
Ao longo de sua jornada, a ABRALE já ajudou milhares de pacientes, construiu importantes pontes entre quem precisa de ajuda e quem pode oferecer uma solução.

Website: https://soscoronavirus.abrale.org.br/