As cotações do açúcar cristal retomaram o patamar dos R$ 90 por saca de 50 kg, o que não era observado desde o final de dezembro de 2016, em termos nominais.

De 6 a 13 de outubro, o Indicador CEPEA/ESALQ, cor Icumsa de 130 a 180, mercado paulista, registrou aumento de 0,3%, a R$ 90,42/saca de 50 kg nessa terça-feira, 13.

Pesquisadores do Cepea afirmam que a alta nas cotações se deve à restrição de oferta no mercado doméstico, em especial o do tipo Icumsa 150.

Diante da baixa disponibilidade, alguns compradores têm, inclusive, adquirido tipos inferiores do cristal a valores equivalentes aos do açúcar de melhor qualidade. Fonte: Cepea