São Paulo – SP 12/5/2020 – “A locação não requer entrada e tem parcelas reduzidas”, destaca Renato Vaz, diretor da Marbor Frotas Corporativas.

Locação de veículos de carga não exige entrada e tem parcelas mais baixas que as prestações dos financiamentos de compra de equipamentos

Serviço essencial que não pode parar durante o período de isolamento social, o setor de logística tem demandado muitos caminhões para a entrega de alimentos, medicamentos e compras efetuadas por comércio eletrônico, entre outros produtos.

Depois de cair 53% em abril, segundo a Fenabrave, os emplacamentos de caminhões devem voltar a crescer, na avaliação da indústria automotiva. Mas as restrições financeiras da crise podem dificultar a compra desses veículos. Diante disso, a locação de equipamentos de cargas pode ser uma boa alternativa.

Em recente entrevista à revista Exame, o presidente da Volkswagen Caminhões e Ônibus, Roberto Cortes, afirmou: “Hoje, a questão mais urgente que enfrentamos é a falta de acesso a crédito. Cerca de 97% das vendas de caminhões são a prazo”.

Com este quadro, o aluguel de veículos de carga surge como opção financeira mais acessível. “A locação não requer entrada e tem parcelas reduzidas”, destaca Renato Vaz, diretor da Marbor Frotas Corporativas.

Além disso, a transportadora ou indústria interessada pode alugar o conjunto completo (caminhão e implemento de carga), de acordo com suas necessidades.

O executivo da Marbor ressalta ainda que atuar em parceria com uma locadora oferece mais flexibilidade, para suportar oscilações nas operações. “Em caso de aumento de demanda as empresas podem reforçar sua estrutura, de forma simples e rápida, para atender ao perfil de cada cliente”, explica.

A terceirização da frota também pode gerar uma economia de até 30% em relação aos veículos próprios, uma vez que as locadoras têm acesso a alíquotas reduzidas de impostos e menores custos de manutenção. “Para completar, um parceiro na locação presta todo suporte ao cliente nos momentos críticos”, diz Renato Vaz.

Conta em Foco

Para que as empresas possam comparar os custos da terceirização com os da frota própria, a Marbor disponibiliza a ferramenta “Conta em Foco”, desenvolvida exclusivamente para a locadora pelo departamento de Economia de uma universidade paulista.

Após contato com a locadora, o interessado recebe um link para fazer a simulação. Basta preencher um formulário com os dados dos veículos que possui ou pretende comprar – como valor de aquisição, custo financeiro, custos com impostos, licenciamento, seguro e custos administrativos. A partir daí a planilha gera automaticamente todo o fluxo de caixa da operação, calculando o Valor Presente Líquido (VPL), e demonstra qual a melhor opção para aquela empresa – se locação ou compra do veículo.

“Ainda há uma grande quantidade de empresas que não adotam a terceirização por não ter uma comparação clara com os custos totais da frota própria. Essa ferramenta auxilia os clientes nessa análise”, diz Renato Vaz.

Para ter acesso à ferramenta “Conta em Foco”, basta enviar um e-mail para atendimento@grupomarbor.com.br.

Sobre a Marbor

Fundada há 31 anos, em Mogi das Cruzes (SP), a Marbor Frotas Corporativas duplicou seu volume de veículos nos últimos dois anos. O crescimento faz parte da estratégia de posicionar a empresa como um player relevante no mercado de locação.

A Marbor também atua na terceirização de caminhões e empilhadeiras, tanto para transportadoras e operadores logísticos quanto para os próprios embarcadores de cargas (no comércio e na indústria).

Para a Marbor, o diferencial no mercado de locação é o relacionamento com o cliente. Uma pesquisa realizada em janeiro deste ano, pela SK Cia. da Informação, apontou um índice de satisfação dos clientes superior a 95%, medidos pela metodologia NPS (Net Promoter Score).

A Marbor Frotas Corporativas integra um grupo fundado pelo empresário Marcos Borenstein, com negócios também nos ramos imobiliário e de hotelaria.

Desde 2013, o Grupo Marbor, vem passando por um processo de reestruturação. Os filhos do fundador (Tatiana, Helio e Larissa), que atuam na companhia, adotaram um modelo de profissionalização, contratando também executivos de mercado, para suportar o crescimento previsto e dar musculatura à gestão.

Mais informações: www.marborfrotascorporativas.com.br

Website: http://www.marborfrotascorporativas.com.br