Cabo Frio fecha restaurante no Parque da Costa do Sol
Cabo Frio fecha restaurante no Parque da Costa do Sol / Foto: Divulgação

O restaurante que funcionava na Cabana do Pescador, um dos locais mais fotografados da Região dos Lagos, foi interditado na manhã deste sábado pela Prefeitura de Cabo Frio. O local foi cenário de várias novelas e filmes. Fica entre as praias do Peró e a Praia das Conchas e junto ao acesso ao Morro do Vigia , em área protegida pelo Parque Estadual da Costa do Sol. A Cabana é conhecida como “casa do Tufão”, da novela Avenida Brasil.

O proprietário foi notificado e multado porque descumpriu notificação anterior, após ser denunciado por despejo de esgoto em área de proteção ambiental. O secretário municipal de Meio Ambiente, Juarez Lopes, disse que o estabelecimento comercial não tem autorização para funcionar como bar e restaurante porque, além de ficar em área da União, também fica nos limites do Parque da Costa do Sol.

Segundo Lopes, o proprietário foi notificado a retirar imediatamente todas as instalações hidráulicas (pias, canos, etc) e sanitárias. Foi aplicada uma multa de R$ 5 mil pelo descumprimento da lei que instituiu o Sistema Municipal de Licenciamento Ambiental.

Foto: Reprodução TV GLOBO

Juarez Lopes disse que a Prefeitura está estudando um projeto, que será apresentado à União e ao INEA, para que o local seja usado como base de apoio para as equipes de fiscalização do município e do INEA. Os moradores e ambientalistas defendem o tombamento da construção e uso como centro de visitantes do Morro do Vigia, com cobrança de ingresso para manutenção do local, que é muito visitado por trilheiros e turistas.

O vazamento de esgotos na Cabana do Pescador e a desordem (ocupação de ruas e calçadas por barracas, com autorização da prefeitura) foram as principais reclamações dos frequentadores da Praia do Peró na alta temporada e no Carnaval. Com relação à Praça do Moinho, o Ministério Público solicitou imagens da desordem para investigar os responsáveis pela concessão das licenças aos barraqueiros.