Caixa Econômica Federal/ Reprodução de Pinterest

Tudo ainda é muito incerto para 2021 é os beneficiados aguardam com muita ansiedade os próximos calendários de pagamento. Com a segunda onda do COVID-19, ainda não ser sabe ser o Governo vai prorrogar o pagamento do benefício.

A Caixa Econômica informou que as medidas visam facilitar o acesso de milhares de pessoas ao auxílio emergencial, mais ainda não informou qual serão os próximos passos para o ano que vem (2021).

Desde do início de dezembro pessoas nascidas em outubro podem realizar o saque do auxílio emergencial da 6º e 7º parcela do benefício.

Que ficaram disponíveis para saque a partir ainda deste sábado (12/12).

Até o dia 19 de dezembro serão pagas milhares de brasileiros que contam com o benefício como sustento, em 2020 esse será o último lote pago para os nascidos em janeiro e fevereiro.

Os demais beneficiários aprovados só poderão sacar o benefício dos demais ciclos no próximo ano (2021). Ainda não foi informado o calendário de saque dos próximos meses.

Mais especulações dizem que irar vim uma segunda onda de pagamento do auxílio emergencial com o avanço da COVID-19. Você pode consultar ser terá crédito das próximas parcelas de pagamento do auxílio emergencial através o aplicativo CAIXA TEM.

É importante que você fique atento ao calendário de pagamento do auxilio emergencial abaixo:

Calendário de saques dos Ciclos 5 e 6
Calendário de divulgação realizado pela a Caixa Econômica Federal

Como acessar o CAIXA TEM?

Você beneficiário pode ter acesso ao seu benefício do auxílio emergencial através do passo a passo a seguir:

O CAIXA TEM é o aplicativo criado para facilitar o acesso de milhares de pessoas em todo o mundo as suas transações bancárias.

Com ele você pode consultar extratos, fazer pagamentos, movimentações e transferências do dispositivo móvel que cabe na palma da sua mão. Veja como o aplicativo funciona:

  • Baixe o aplicativo facilmente da sua loja do Play Store ou Apple App e baixe gratuitamente o CAIXA TEM;
  • Para acessar basta informar o número do seu CPF e criar uma senha numérica de 6 dígitos;
  • Identifique o seu dispositivo de celular ou tablet, é pronto! Basta verificar e efetuar as suas movimentações como saque do auxilio emergencial, transferências e pagamentos.

Consequentemente os brasileiros terão que aguardar a chegada do novo ano para saber o que vai acontecer com o auxílio emergencial, portanto é importante fique sempre atento as informações atualizadas sobre o benefício.