A combinação de área reduzida e produtividade um pouco aquém do esperado, na faixa de 75 t/ha (sendo que o potencial produtivo neste período é de até 86 t/ha), tem elevado as cotações da cenoura em São Gotardo (MG).

Segundo dados do Hortifruti/Cepea, de 31 de agosto a 4 de setembro, a caixa de 29 kg de “suja” foi comercializada a R$ 30,00, em média, elevação significativa de 20% frente ao período anterior.

Com o aumento dos valores, a rentabilidade dos produtores segue positiva, com o preço 160% acima dos custos de produção – estimados em R$ 11,50/cx de “suja”. Fonte: Cepea/Hortifruti