O PENSI tem apostado em ações sustentáveis para oferecer qualidade de vida a alunos, colaboradores e contribuir com a melhoria da qualidade de vida para a sociedade como um todo. Em novembro de 2019, a rede de colégios inaugurou uma estação com Telhado Fotovoltaico, que hoje abastece onze unidades.

E após esse curto período de experiência, já é possível calcular economia. Ao todo, menos 720 árvores cortadas e redução de uso de água que corresponde a 1,3 milhões de banhos. Agora, a experiência vai integrar o projeto pedagógico das escolas da rede e ser tema de aulas, reforçando o compromisso do PENSI com a adoção de práticas sustentáveis.

“Esse projeto em específico é o que chamamos de geração distribuída, ou geração remota. Ou seja, diferente daqueles conhecidos painéis que colocamos no telhado. Os painéis ficam instalados num terreno fora da área das escolas e tudo que é produzido lá entra como crédito nas contas de luz das unidades. É um assunto muito dinâmico e legal de ser tratado pedagogicamente dentro das escolas. Não somente no conteúdo de energias limpas, mas justamente na pegada da sustentabilidade”, afirma Igor Carneiro, responsável pelo setor de infraestrutura em projetos de água e energia do PENSI.