São Paulo 7/5/2020 –

Pacotes de café, anteriormente vendidos em cafeterias e outros estabelecimentos, continuam sendo procurados por muitos consumidores, entretanto, são adquiridos por comércio online ou entregas por delivery.

Diante do cenário atual, muitos brasileiros mudaram ou acentuaram hábitos cotidianos, o que levou, por exemplo, ao aumento do consumo de café em 30%, de acordo com a Associação Brasileira da Indústria de Café (ABIC). Isso significa que os pacotes de café, anteriormente vendidos em cafeterias e outros estabelecimentos, continuam sendo procurados por muitos consumidores, entretanto, são adquiridos por comércio online ou entregas por delivery.

Aumento das vendas de café pela internet

Em virtude das medidas preventivas de isolamento social, a venda de café pela internet cresceu até quatro vezes mais, resultando em um crescimento fora da média, visto que grande parte dos brasileiros optou por estocar a bebida em casa. Portanto, em meio à quarentena e com a necessidade de consumo de itens essenciais, o café se manteve como uma preferência do consumidor.

Por conta da adoção do modelo de trabalho home office, a quantidade de café armazenada em casa aumentou, uma vez que, nos intervalos e em lanches da tarde, seu consumo é mais frequente.

Café é considerado a segunda bebida mais consumida no Brasil

Popular entre os brasileiros, embora o seu consumo tenha crescido por conta da pandemia, o café faz parte da rotina e cultura do País, tornando-se a segunda bebida mais consumida no Brasil, tendo em vista que cada pessoa consome, em média, de 3 a 4 xícaras diariamente.

Em termos culturais, a maioria dos brasileiros possui o hábito de receber visitas, realizar reuniões ou até mesmo executar atividades do dia a dia consumindo café, que, por sua vez, desempenha um papel fundamental nas relações sociais. Pode-se destacar, ainda, que o consumo de café, por indivíduos na faixa etária entre 18 e 35 anos, é moderado, tornando-se mais acentuado a partir dos 40 anos.

De acordo com um estudo realizado pelo Cuf of Excellence, um concurso internacional de qualidade de cafés, o Brasil se sobressai como o maior e melhor produtor de café do mundo, com destaque ao modo de cultivo e colheita à mão. Sendo assim, é comum que muitos brasileiros consumam a bebida diariamente, durante a quarentena ou não. Ainda assim, as preferências por cada tipo da bebida são divididas entre os consumidores brasileiros, destacando-se o café moído e o torrado, além dos modos de preparo: expresso, solúvel ou cappuccino.

Criação de cardápio para cafeteria

Por conta de seus diversos tipos e variações de preparo, a criação de cardápio em uma cafeteria é fundamental, com a finalidade de oferecer uma ampla visualização de seus produtos ao cliente, como modelos, descrições, imagens e valores. Assim como informar ao cliente, o cardápio de uma cafeteria visa demonstrar a qualidade de seus produtos por meio de um design de qualidade, de modo personalizado e objetivo.

Para oferecer uma melhor experiência de compra ao consumidor, a criação de cardápio permite otimizar a comunicação do estabelecimento com o público, facilitando a escolha do pedido e tornando mais prático o consumo no local.

Como adaptar o negócio durante a crise

Em meio ao cenário atual, a Menuart disponibiliza conteúdos informativos em seu blog, com dicas, notícias e referências para manter a receita positiva dos estabelecimentos, a fim de atender a seus clientes e ajudá-los a lidar com a crise.

Além disso, a empresa Menuart é a pioneira em produção de cardápios para pequenas, médias e grandes empresas do mercado, contando com os mais variados modelos funcionais de cardápios para cafeterias.

Website: https://www.menuart.com.br