São Paulo, SP 13/5/2020 –

As razões de uma dívida ativa são muitas, mas a falta de planejamento financeiro merece destaque. E, pensando na saúde financeira dos brasileiros neste início de ano, Neto Mokarzel, responsável pela área de expansão da Helpay, separou dicas de planilhas e explica quais contas devem ser prioridade

Todo ano é a mesma coisa: contas como IPVA, IPTU e matrícula escolar —  além das recorrentes água, luz, gás e internet —  batem na porta dos brasileiros. De fato, os boletos fazem parte da vida adulta. Não à toa, o total de inadimplentes — pessoas com contas em atraso — ficou em 63,8 milhões em novembro de 2019. Os dados, publicados pela Agência Brasil, foram divulgados pela Serasa Experian no final do ano passado.

Ainda segundo o levantamento da Serasa, contas de serviços de telecomunicação, como internet e telefone, são a principal dor de cabeça dos endividados, seguidas de perto pelas dívidas com bancos e cartões. Conforme apuração da Serasa, esse tipo de pendência representa 28,1% do total.

As razões de uma dívida ativa são muitas: desemprego, perda de um ente querido, problemas de saúde, imprevistos e gastos inesperados, por exemplo. Mas a falta de planejamento financeiro merece destaque. Afinal de contas: como organizar a vida financeira e colocar as contas em dia?

“Não é preciso desespero. Com calma, planejamento e determinação é possível resolver as pendências e seguir a vida adiante com a conta ‘em azul’”, garante Neto Mokarzel, responsável pela área de expansão da Helpay. E, pensando na saúde financeira dos brasileiros neste início de ano, Neto separou dicas de planilhas e explica quais contas devem ser prioridade. Vale conferir:

Planilhas e Apps: controle financeiro na palma da mão

Segundo Neto, há uma série de opções de apps e planilhas de finanças pessoais, inclusive gratuitos, para fazer download no smartphone ou no computador.

A seguir, uma lista com seis indicações da Helpay, entre tabelas e aplicativos:

  • B3 (Planilha);
  • Grana (App Android);
  • Idec (Planilha);
  • Jimbo (Android, iOS e Windows);
  • Minhas Economias (gerenciador financeiro, por computador e smartphone — Android e iOS);
  • Mobills (Android e iOS).

“Como podemos ver, as opções são muitas. Por isso, vale conferir as tabelas e aplicativos e identificar o que melhor se adapta com você. Mas uma coisa é certa: não tem desculpa para organizar o orçamento, resolver as pendências e controlar melhor os gastos em 2020”, sustenta Neto.

Quais contas são prioridade?

Ainda de acordo com o responsável pela área de expansão da Helpay, para começar, o ideal é colocar todas as contas em cima da mesa. Nenhuma dívida ou compromisso financeiro deve ficar de fora, por menor que seja. 

Para finalizar,  Neto Mokarzel explica que na  Helpay qualquer pagamento pode ser feito em até doze vezes com uma taxa que combina com o que o cliente pode pagar e não engessa seu poder de compra. Sem burocracia, fácil, rápido e seguro.

Para parcelar débitos veiculares, basta acessar o site da Helpay: https://www.helpay.com.br/

Website: https://www.helpay.com.br/