São Paulo 6/5/2020 – “A tomografia pode ser considerada complementar na ausência de exames laboratoriais”, afirma Jacob Szejnfeld, especialista e diretor médico do CURA.

Medvia, área de telerradiologia do Grupo CURA, registra aumento de verificação do exame relacionado ao diagnóstico do novo coronavírus

Em tempos de quarentena e isolamento social, a classe médica se adaptou aos novos formatos de atendimento e também de diagnósticos. Com isso, a Medvia, empresa especializada no diagnóstico por imagem e entrega de laudos a distância do Grupo CURA, um dos maiores grupos de diagnóstico por imagem do país, registrou um aumento de 17% nos pedidos de análises à distância de exames de tórax durante a pandemia da Covid-19. A companhia verificou o período de 22 de março a 4 de abril e teve avanço de 20% para 37% na comparação com as duas semanas anteriores em sua rede de atendimento, que engloba mais de 14 estados brasileiros. 

Este tipo de exame tem crescido para os diagnósticos do novo coronavírus, conforme ressalta o especialista Jacob Szejnfeld, diretor médico do CURA. “Para a pesquisa da Covid-19, a realização de exames de Tomografia de Tórax  é uma opção para o diagnóstico de pacientes em estágios mais graves. Nestes e em demais casos, a tomografia pode ser considerada complementar na ausência de exames laboratoriais. A TC de Tórax também é a principal avaliação diagnostica para o acompanhamento da evolução do paciente, é possível observar o avanço da inflamação pulmonar, bem como o estado evolutivo e funcional do órgão”, afirma.

De acordo com Pedro Toniolo, diretor da Medvia, “o momento é propício para a utilização da telerradiologia, que estabelece uma maior abrangência dos serviços de radiologia de qualidade, com maior eficiência dos serviços, especialmente nos exames realizados fora de período eletivo, na madrugada e finais de semana, por otimizar a distribuição dos laudos para médicos geograficamente dispersos”. A companhia possui um corpo clínico com mais de 120 médicos especialistas em todas as áreas da radiologia.

Juntos, os médicos realizam a conclusão de laudos, além de contar com uma equipe multidisciplinar para suporte técnico (físicos, tecnólogos, biomédicos, programadores e TI), que auxiliam também na revisão de protocolos e construção de processos. A divisão atende ainda 24h por dia as áreas de densitometria óssea, mamografia, medicina nuclear (PET-CT), radiologia, ressonância magnética, tomografia, além de oferecer serviços de plantão e atendimento de emergência. Atualmente, a Medvia emite mais de 55.000 laudos por mês. Em 2018 foram mais de 600.000 laudos emitidos.

Sobre o CURA Imagem e Diagnóstico

Com expertise de atendimento humanizado, 24h por dia, sete dias por semana, o CURA conta com mais de 1.350 profissionais qualificados que realizam, em média, 245 mil exames por mês em seus laboratórios e diversas unidades ambulatoriais e hospitalares. Ressonância magnética, ultrassonografia, análises clínicas, cardiologia, mastologia, saúde da mulher, biologia molecular e neurologia são as especialidades do CURA, que também conta com um centro de vacinação.

 

Website: https://cura.com.br/