20/11/2013 –

Nesta quinta-feira, 21/11, a Fundação Schwab e a Folha de S.Paulo revelam os vencedores da maior premiação de empreendedorismo social da América Latina. A cerimônia, restrita a convidados, acontecerá no Masp (Museu de Arte de São Paulo), na capital paulista, a partir de 19h. Os dez líderes finalistas de 2013 dos prêmios Empreendedor Social e Folha Empreendedor Social de Futuro estão concorrendo também na categoria Escolha do Leitor, aberta à votação do público no site folha.com.br/empreendedorsocial, e que só será encerrada durante o evento.

A premiação contará com transmissão ao vivo pelo site da Folha de S.Paulo e pelo UOL, novamente com acessibilidade para deficientes auditivos e visuais. No museu, haverá uma exposição de fotografias dos projetos finalistas e, antes do anúncio dos vencedores, a plateia assistirá à apresentação do Projeto Guri e a documentários curtos sobre o trabalho de cada líder finalista e sua organização social.

No Empreendedor Social, parceria da Fundação Schwab com a Folha de S.Paulo, chegaram à final quatro mulheres que criaram métodos de intervenção próprios (veja quadro abaixo). O prêmio acontece em 61 países onde a fundação suíça atua e é reconhecido pelo elevado rigor da seleção. Sua proposta é valorizar líderes sociais (leia resumos dos finalistas abaixo) que atuam há pelo menos três anos, de maneira inovadora, sustentável e com impacto na sociedade e em políticas públicas.

O Empreendedor Social de Futuro, promovido exclusivamente pela Folha de S.Paulo, obedece aos mesmos padrões de avaliação, mas reconhece e promove líderes sociais em atividade há menos tempo: no mínimo, um ano e, no máximo, três anos. Os finalistas deste ano são jovens que atuam nas cidades de Curitiba, Rio de Janeiro e São Paulo.

Em 2013, os dois prêmios somaram 227 candidaturas de 24 Estados e do Distrito Federal, à frente da Índia e da China, por exemplo. Desses, 22 chegaram à semifinal e apenas 10, à final. Por isso a premiação é considerada a principal e mais disputada da América Latina na área de empreendedorismo socioambiental.

Menção Honrosa

Em parceria com a Fundação Humanitare, em 2013, haverá ainda a Menção Honrosa ao projeto mais alinhado à temática e aos objetivos do Ano Internacional de Cooperação pela Água da ONU. A seleção ocorreu entre 68 finalistas dos prêmios Empreendedor Social e Empreendedor Social de Futuro, de 2005 a 2013. Caberá a um júri especializado a escolha do ganhador. Estão na final os trabalhos de: Luiz Moura (Núcleo de Ensino e Pesquisa Aplicada), Berenice Kikuchi (Associação de Anemia Falciforme), Luis Fernando Guedes Pinto (Imaflora), Fábio Bibancos (Turma do Bem), Suzana Pádua (IPÊ), Rodrigo Castro (Associação Caatinga) e José Dias (Centro de Educação Popular e Formação Social).

QUATRO MULHERES ESTÃO NA FINAL DO PRÊMIO EMPREENDEDOR SOCIAL 2013

Alice Freitas, 34, advogada – cofundadora da Asta, que, com a criação de brindes feitos a mão com sobras da produção de empresas e venda porta a porta de artesanato, fortalece grupos produtivos formados por mulheres de baixa renda. Site: www.redeasta.org.br.

Merula Steagall, 46, administradora – mentora da Abrale e da Abrasta, que oferecem assistência a pacientes com doenças graves no sangue e produzem e disseminam conhecimentos na área onco-hematológica, com impacto em políticas públicas. Sites: www.abrale.org.br e www.abrasta.org.br.

Regina Guarita, 67, arte-educadora – fundadora da Arte Despertar, organização que usa arte e cultura para reconectar indivíduos em situações críticas, como profissionais sobrecarregados da saúde, pacientes hospitalizados e crianças socialmente vulneráveis. Site: www.artedespertar.org.br.

Sylvia Guimarães, 36, historiadora – idealizadora da Vaga Lume, desenvolve intercâmbios culturais que promovem o protagonismo de pessoas e comunidades rurais da Amazônia por meio da leitura, da escrita e da oralidade. Site: www.vagalume.org.br.

SEIS JOVENS ESTÃO NA FINAL DO PRÊMIO FOLHA EMPREENDEDOR SOCIAL DE FUTURO 2013

Alessandra Orofino, 24, economista, e Miguel Lago, 26, administrador público – criadores da plataforma interativa Meu Rio, que conecta os cidadãos cariocas com representantes políticos e promove mobilizações de interesse público. Site: www.meurio.org.br.

Alexandre Amorim, 24, administrador, Luiz Ribas, 24, e Diego Moreira, 24, economistas – juntos, desenvolvem uma metodologia gratuita e pioneira que melhora a gestão e a estrutura de escolas especiais de Curitiba. Site: www.asidbrasil.org.br.

Tony Marlon, 29, jornalista – fundador do Instituto Escola de Notícias, que, com oficinas de comunicação que valorizam histórias de vidas, transforma, dá voz e trabalho a jovens da periferia da zona sul de São Paulo. Site: www.escoladenoticias.org.

ASSESSORIA DE IMPRENSA
Ligia Neiva
P&B Comunicação
Tel.: (11) 9 6291-1985
E-mail: empreendedorsocial@uol.com.br

LINKS ÚTEIS:
Site: folha.com.br/empreendedorsocial
Blog Empreendedor Social: empreendedorsocial.folha.blog.uol.com.br/
Escolha do Leitor: http://noticias.uol.com.br/ultimas-noticias/redacao/2013/10/21/conheca-os-finalistas-do-premio-empreendedor-social-e-vote-no-seu-preferido.htm
Facebook: www.facebook.com/pages/Premio-Empreendedor-Social/322851266066
Twitter: twitter.com/premioempsocial
Fundação Schwab: www.schwabfoundseoy.org/brasil
Folha de S.Paulo: www.folha.com.br