Porto Alegre, RS 4/7/2013 – Dr. Vinicius Russi, médico especialista em cirurgia plástica, explica que no verão o corpo fica exposto ao sol, dificultando a cicatrização e a recuperação do paciente.

A maioria das pessoas lembra de cuidar da pele no verão, quando o corpo está mais exposto, graças ao uso de biquíni, regatas, vestidos, saias curtas. Porém, para aproveitar os dias de calor sem se preocupar com algumas imperfeições, que normalmente deixam as mulheres insatisfeitas, é preciso agir no inverno.

Esta é a melhor estação do ano para realizar cirurgias plásticas e procedimentos estéticos. Dr. Vinicius Russi, médico especialista em cirurgia plástica, explica que no verão o corpo fica exposto ao sol, dificultando a cicatrização e a recuperação do paciente. Além disso, o frio é mais propício para o uso da malha quente – obrigatória em procedimentos cirúrgicos, evitando o calor, tornando o pós-operatório mais confortável, com menos edema e inchaço. Os dias quentes também podem ocasionar a queda de pressão, gerando um mal-estar no paciente, já no frio isso não ocorre, salienta Dr. Vinicius. Com uma recuperação adequada, o paciente pode retornar às suas atividades normais dentro de sete a 15 dias, prevê.

Os procedimentos cirúrgicos mais procurados atualmente, de acordo com pesquisa realizada pelo Ibope, são a lipoaspiração e colocação de silicone nos seios, para as mulheres; e cirurgias nas pálpebras e nariz nos homens.

Peeling também é recomendado no inverno

O peeling químico é uma alternativa para pessoas que têm a pele com manchas, sardas, linhas de expressão e rugas. Nesta época do ano, a procura por este tratamento aumenta em cerca de 90%. Como a incidência de raios solares é reduzida, os resultados são mais eficazes, deixando a pele mais bonita e sem manchas para o verão. Dr. Vinicius lembra que a aplicação de filtro solar é imprescindível em todas as estações do ano.

Website: http://www.clinicarussi.com.br