11/6/2020 –

As novidades incluem recuperação ativa de desastres, desenvolvida com a nova tecnologia de replicação contínua e recursos unificados de armazenamento baseado em arquivos e blocos

Devido ao atual cenário global, houve um boom inédito na adoção do home office que, por sua vez, provocou um imenso aumento na demanda de dados. Essa mudança repentina exige que as empresas transformem suas infraestruturas e a forma de gerenciamento de seus dados com mais agilidade, simplicidade, desempenho e segurança, para garantir a continuidade dos negócios.

Para atender essa demanda das empresas modernas em relação ao armazenamento de dados em um mundo multi-cloud, a Pure Storage acaba de anunciar a versão mais recente do seu principal pacote de software, o Purity 6.0 para FlashArray. Os novos serviços ágeis de dados fornecem aos clientes uma maneira eficiente de armazenar, proteger, gerenciar, acessar e movimentar os dados a partir de modelos de consumo estratégicos e personalizados.

O Purity 6.0 é uma solução simplificada e unificada de armazenamento em blocos e em arquivos, projetada para ajudar a resolver desafios de infraestrutura, incluindo silos e expansão de armazenamento, que atualmente impactam os negócios em todos os setores. Com uma série de novos serviços ágeis de dados, a Pure disponibilizou dois novos recursos principais – suporte ao protocolo unificado com Network File System (NFS) e Server Message Block (SMB), além de recuperação ativa de desastres com a nova tecnologia de replicação contínua. Como parte do modelo de assinatura do Evergreen Storage, esses novos recursos chegam ao mercado com nível zero de complexidade, e não requerem licenças ou custos adicionais de suporte.

“Os modelos de consumo flexíveis representam a base da experiência moderna em dados oferecida pela Pure”, explica Prakash Darji, gerente geral de FlashArray. “Tivemos a vantagem de sermos criados especificamente para a era moderna – nossas soluções são projetadas para grandes quantidades de dados, com capacidade para atualizações ​​sem interrupções e compatíveis com as inovações que estão sempre por vir, para que nossos clientes estejam com infraestrutura de última geração. O Purity 6.0 representa o próximo passo para entregar esse valor contínuo aos nossos clientes por meio de serviços que podem ser consumidos da maneira que melhor se adequar à necessidade deles, a qualquer momento”, completa o executivo.

Esses recursos unificados no FlashArray reduzem os problemas e as despesas de executar dois ambientes incompatíveis. Foram projetados para simplificar operações para as empresas que executam armazenamento em bloco, mas ainda exigem ou utilizam armazenamento separado conectado à rede. Isso permite que os clientes executem todas as cargas de trabalho no ambiente operacional Purity, aproveitem a mesma camada de dados, interface do usuário, pool de capacidade e consigam reduzir o volume de dados com a Pure.

Da mesma forma, o ActiveDR, novo recurso de replicação contínua, ajuda a melhorar a resiliência dos negócios e, ao mesmo tempo, elimina a preocupação com custo e complexidade dos complementos de software de recuperação de desastres de terceiros. Essa nova tecnologia de replicação ativo-passivo atende a um requisito importante de negócios, protegendo aplicações críticas com objetivo de ponto de recuperação (RPO) quase zero. Agora os clientes podem aproveitar em uma única plataforma Purity os serviços de replicação síncrona, ativa-ativa, com ActiveCluster, replicação assíncrona baseada em snapshots e de replicação contínua.

“A Pure Storage nos permite oferecer novas áreas de serviço para nossos professores, funcionários e alunos, inovando continuamente com nosso conjunto moderno de TI”, diz James Kelly, administrador de sistemas sênior de Suporte à Pesquisa da Universidade Chapman. “Os desafios que enfrentamos são diversos e exigem um conjunto diversificado de soluções. O Purity 6.0 nos permitirá resolver problemas críticos de maneiras mais criativas. Os recursos unificados de SAN e NAS deste novo sistema operacional FlashArray representam uma mudança positiva para nossas cargas de trabalho baseadas em arquivos de mais alto desempenho que precisam ser executadas em ambientes com todos os blocos. Ele nos entrega uma ótima maneira de executar aplicações críticas ou baseadas em arquivo VDI em termos de desempenho de forma econômica, em conjunto com nossas principais cargas de trabalho corporativas e de pesquisa no ambiente operacional confiável e semelhante à nuvem da Pure que já conhecemos”, complementa.

As empresas com requisitos de big data ou machine learning ainda atribuirão essas cargas de trabalho ao FlashBlade, mas para empresas de porte menor, o FlashArray agora atende a todas as necessidades de armazenamento de dados.

“É complexo gerenciar cada servidor de arquivos e seus dados de forma consistente se não houver armazenamento compartilhado entre eles. Comprometer o desempenho ou fazer trocas semelhantes de infraestrutura não é uma opção para as empresas modernas”, explica Jeff Fonke, arquiteto de soluções técnicas globais da WWT. “Fizemos um teste beta com a Pure para a implementação de arquivos no WWT Advanced Technology Center (ATC), onde contamos com uma riqueza de recursos para testar a integração com o fabricante original do equipamento (OEM). O FlashArray oferece aos nossos clientes em comum uma solução de arquivo e bloco convergente intransigente, capaz de lidar com cargas de trabalho críticas e com dados não estruturados de uso diário”.

O Purity 6.0 traz melhorias, recursos e soluções adicionais que os clientes podem adotar imediatamente, sem interrupções, e como parte da assinatura Evergreen como estratégia de inovação. Os destaques desta versão incluem:

  • Backup expandido para nuvem com o CloudSnap para Google Cloud Platform: recurso que adiciona destinos de armazenamento na nuvem ao Google Cloud Platform, onde os snapshots com economia de espaço da Pure Storage podem ser replicados para armazenamento e reutilização externos;
  • Categorizar conjuntos de dados para facilitar a identificação com tags de volume público;
  • Garantia de segurança dos dados e que o acesso seja controlado usando a autenticação de dois e vários fatores de RSA;
  • Plano efetivo de expansão da capacidade com o click-to-quote do Pure1;
  • Proteção de cargas de trabalho críticas usando o ActiveDR com:

– Cargas de trabalho virtualizadas com suporte ActiveDR para VMware Site Recovery Manager;

– Aplicações críticas para negócios, como: Microsoft SQL, Oracle, SAP e MongoDB

  • Proteção de dados não estruturados nos novos serviços de arquivos do Purity com as soluções de backup Veeam e CommVault.

“Para a Pure Storage, a introdução do suporte ao sistema de arquivos nativo no FlashArray será um benefício para os clientes”, diz Eric Burgener, vice-presidente de pesquisa da IDC. “Agora, os clientes podem consolidar de forma econômica vários servidores de arquivos nessa plataforma de armazenamento unificado e obter desempenho totalmente em flash, facilidade de uso e diferenciação da experiência do cliente com cargas de trabalho baseadas em blocos.”

Para obter mais informações sobre o Purity v6, acesse o site ou blog da Pure Storage.