efeito estufa
efeito estufa

A P&G anuncia um amplo plano para acelerar as ações de combate às mudanças climáticas e seu novo comprometimento é alcançar zero emissões de gases de efeito estufa (GEE) até 2040 em todo ciclo de manufatura e distribuição, desde sua cadeia de matérias primas até seus produtos chegarem nas lojas. Além disso, a companhia incrementa as metas para 2030.

A crise climática impacta pessoas em todo o mundo. A ciência tem deixado claro que é necessário ações efetivas para evitar os impactos das mudanças climáticas. “Estamos totalmente comprometidos em usar a inovação e a estrutura da P&G para descobrir novas soluções para lidar com as mudanças climáticas”, disse David S. Taylor, CEO da P&G. “A tarefa que temos pela frente é urgente, desafiadora e muito maior do que qualquer empresa ou país. A P&G está enfrentando esses desafios, reduzindo nossa pegada de carbono e alavancando nossa escala para promover uma colaboração sem precedentes em nossa cadeia de valor”.

O plano da companhia de zero emissões está pautado na ciência e priorizará o corte da maioria de suas emissões em operações e cadeia de suprimentos, da matéria-prima ao varejista. Para emissões residuais destas categorias que não podem ser eliminadas, serão usadas soluções naturais ou técnicas que removem e armazenam carbono.

Além disso, a P&G incrementa suas metas para 2030, validadas pelo The Science Based Targets Institute (SBTi):

• Reduzir as emissões em suas operações em 50%;

• Reduzir as emissões em sua cadeia de suprimentos em 40%¹ (da matéria-prima à distribuição ao varejo).

A P&G se uniu às campanhas Race to Zero e Business Ambitionfor 1,5° das Nações Unidas e compartilha o novo Plano de Ação referente à Mudança Climática, com uma abordagem abrangente sobre o tema e os principais desafios à frente.

“Embora ninguém tenha todas as respostas sobre um futuro de zero emissões, não vamos deixar a incerteza nos deter”, disse Virginie Helias, Chief Sustainability Officer da P&G. “Para atingir esses objetivos, vamos alavancar as soluções existentes e buscar novas opções transformadoras que não estão disponíveis no mercado atualmente. Isso exigirá parceria dos setores público, privado e sem fins lucrativos e envolverá todas as frentes do nosso negócio, desde o início até o fim do ciclo de vida de nossos produtos”.

Atuação no Brasil

• Em 2020, a companhia anunciou o compromisso de que todas as suas operações sejam neutras em carbono nessa década, com intervenções de restauração da natureza, inclusive em um projeto no Brasil, em parceria com a World Wildlife Fund for Nature (WWF) e a Suzano, de reflorestamento de parte da a Mata Atlântica, no estado do Espírito Santo;

• Desde 2017, as operações da companhia no Brasil depositam zero resíduos de fabricação em aterros sanitários;

• A P&G Brasil está buscando também ativamente soluções para a economia circular, e no último ano fechou parcerias com quatro startups brasileiras que visam melhorar a reciclagem no país.

Agindo com urgência para reduzir emissões

Nossa prioridade é reduzir significativamente as emissões de gases de efeito estufa o mais rápido possível e com soluções disponíveis atualmente.

• Reduzir as emissões em nossas operações: de 2010 a 2020, reduzimos as emissões absolutas em nossas operações globais em 52% por meio da eficiência energética e da energia renovável. À medida que reduzimos as emissões, também estamos investindo em soluções climáticas naturais para equilibrar qualquer emissão restante de nossas operações que não possam ser eliminadas até 2030. Isso inclui novos projetos que ajudam a proteger e restaurar florestas e outros ecossistemas essenciais para as pessoas e a vida silvestre.

• Acelerar a eletricidade renovável: estamos nos aproximando da nossa meta para 2030 de usar 100% de energia renovável e já estamos comprando 97% globalmente. Em 2021, a Agência de Proteção Ambiental dos Estados Unidos reconheceu a P&G como a 5ª posição em sua lista dos 100 maiores usuários de energia verde e a 2ª posição na lista dos 30 principais para geração de energia renovável local em todo o país, nos tornando os mais bem avaliados na indústria de bens de consumo.

• Descarbonização de nossa cadeia de suprimentos e logística: nossa cadeia de suprimentos e emissões de logística, da matéria-prima ao varejista, são cerca de 10 vezes maiores que nossas operações e estabelecemos uma meta de reduzir as emissões em 40% até 2030. Também planejamos aumentar a eficiência do transporte de produtos acabados de saída em 50% até 2030.

Criando um futuro carbono neutro por meio da colaboração transformadora

Estamos indo além da nossa ambição de zero emissões e fazendo mais para um impacto coletivo ao realizar parcerias com os consumidores para reduzir as emissões de GEE na utilização dos produtos, criar alianças para residências com eficiência de carbono e defender soluções de políticas para descarbonizar a infraestrutura de energia. Nossos esforços incluem:

• Praticar a sustentabilidade em casa. A P&G e suas marcas oferecem aos consumidores ferramentas e informações sobre como pequenas ações em casa podem fazer diferença a o planeta .

• Reduzindo 15 milhões de toneladas de carbono por meio da lavagem com água fria e acelerando o impacto com 30 milhões de toneladas adicionais até 2030. Alavancamos a inovação e educamos o consumidor para ajudar na redução da nossa pegada de carbono – a energia necessária para aquecer a água durante uso do produto.

• Criando a casa do futuro. Estamos progredindo ao criar soluções para tornar o dia a dia mais sustentável, junto aos parceiros da indústria por meio da 50L Home Coalition . Ao ajudar as pessoas a reduzir o uso de água quente, a coalisão está criando casas mais eficientes que podem usar 10 vezes menos água do que a maioria usa hoje em dia.

“Cuidar dos nossos consumidores e de nosso planeta é fundamental para todos nós da P&G”, acrescentou Taylor. “Não há nenhuma ação muito pequena e nenhuma visão muito grande, pois todos nós trabalhamos juntos para preservar nosso planeta para as próximas gerações”.

Mais detalhes sobre os esforços ESG da P&G, visite o site ou veja o nosso relatório de cidadania de 2020 .

¹Nossos objetivos SBTi Scope 3 2030 são:
• Reduzir as emissões da cadeia de suprimentos das categorias prioritárias em 40% por unidade de produção até 2030. As categorias prioritárias da P&G são responsáveis por mais de 90% das emissões da cadeia de suprimentos da P&G.
• Reduzir a intensidade das emissões globais do frete de produtos em 50% até 2030.