Descubra como fazer compras para jogos sem ter nenhuma dor de cabeça

Como os jogos também se transformaram em uma plataforma de compras

O século XXI criou novos hábitos na população e novas profissões. Graças aos avanços tecnológicos, um dos produtos mais populares são os videogames, onde as pessoas podem se divertir com simulações super realistas e navegar por mundos que só eram possíveis na imaginação. 

Mas o que antes era só uma brincadeira, passou ser um negócio sério. Antigamente, os jogadores apenas compravam a mídia e jogavam o jogo em suas casas com os amigos. Atualmente, as pessoas têm possibilidade de fazer compras dentro do jogo para melhora de desempenho. 

Quais jogos é possível fazer compras?

Para quem joga FIFA, por exemplo, é possível fazer investimentos dentro do Ultimate Team e comprar cards de jogadores raros. Dessa maneira, o time fica mais forte para competir online. 

Isso também pode ser feito no League of Legends, um dos jogos mais populares do mundo. É possível equipar o personagens com armas mais potentes e skins personalizadas. Dessa maneira, é possível competir de igual para igual com outros jogadores online. 

Esses são apenas dois exemplos de jogos populares onde é possível fazer compras. Isso é uma prova que os produtores dos games não ganham apenas com a venda de mídia física ou digital. Também com itens dentro do jogo. 

Como fazer a compra dentro do jogo?

Para quem nunca fez uma compra dentro de um jogo, deve estar se perguntando: como fazer uma dentro de um jogo? Um jogo pode funcionar como uma loja ou um e-commerce? Dentro do jogo é construído uma loja sim. O jogador pode colocar os dados de pagamento e efetuar uma compra. 

Graças aos avanços tecnológicos, os jogos são muito mais que simulações. São lugares onde o jogador pode fazer compras e interagir com outros jogadores de qualquer canto do mundo. 

Quais as formas de pagamento dentro de um jogo?

Dentro de um jogo, a principal forma de pagamento em um produto ou artefato para o personagem é com um cartão. E não se limita apenas ao cartão de crédito. O que acaba sendo vantajoso para gamers mais jovens que não podem ter um cartão nesse estilo. 

Para ajudar os gamers que querem investir dentro do jogo, foram selecionados alguns cartões que oferecem facilidades para jogadores. 

  • Cartão Santander SX

O cartão SX é um dos produtos mais recentes do Santander. E o investimento é pesado nele, já que a garota propaganda é a Ana Paula Padrão, apresentadora do Masterchef Brasil.  

Para quem já é cliente do Bradesco, basta ter uma renda mínima de R$ 500 e a anuidade é zerada em caso de gastos acima dos R$ 100. Então, se estiver afim de fazer compras dentro do jogo, é possível zerar os gastos com anuidade de maneira simples. 

  • Gamers Card

Para quem não tem cartão de crédito, uma excelente opção é o Gamers Card, um cartão pré-pago voltado para gamers. Basta fazer uma recarga e usar o saldo disponível. Não tem cheque especial, então, acabando o dinheiro, não tem como usar. 

Para quem tem filhos pequenos e gosta de jogos nos tablets, por exemplo, acaba sendo uma opção mais barata e mais segura. 

  • Super Digital 

Um banco digital com planos para os gamers. Nem todo mundo que quer ser gamers tem muito dinheiro para fazer um grande investimento inicial. 

Na Super Digital, é possível abrir uma conta em menos de 5 minutos e sem precisar sair de casa. Tudo pela internet. Também não há a necessidade de comprovar renda e consulta em SPC/Serasa.

Faça o cadastro do cartão virtual pré-pago como cartão de crédito nas plataformas PSN, Xbox, e Steam e faça compras para os jogos de maneira fácil e rápido.