Descubra quais são os custos para começar uma empresa no Brasil 

Como iniciar um negócio no país?

Quer se tornar um empreendedor? Ser o seu próprio patrão e ter que dar satisfação para chefe? Uma das principais alternativas para isso é abrir o seu próprio negócio. Investir em uma loja, uma agência ou até mesmo uma startup são algumas das principais opções. 

Mas antes de colocar o projeto em prática, é necessário saber quais os custos para começar esse projeto. Vale lembrar que o Brasil é um país muito burocrático, e há vários documentos que devem ser emitidos para tudo funcionar. 

Os documentos que um empresário precisa para começar um negócio são o DARE (Documento de Arrecadação de Receitas Estaduais), DARF (Documento de Arrecadação de Receitas Federais), Junta Comercial e Certificado Digital. 

Para te auxiliar, foi feita uma lista explicando o que são cada um desses documentos e o custo de cada um deles. Dessa maneira, o processo será muito mais simples e saberá como lidar com a burocracia. 

Custos Fiscais

Os custos fiscais vão variar de estado para estado. Cada lugar possui um valor diferente. Mas é possível ter uma média do preço dos custos fiscais. Geralmente, será necessário desembolsar, mais ou menos, R$ 400. 

Os custos fiscais são o DARE, que é uma taxa destinada ao registro público da empresa, e o Certificado Digital, para confirmar a autenticidade da empresa para emitir a NFe (nota fiscal eletrônica).

Capital Social 

Uma das coisas mais importantes para a abertura de uma empresa é efetuar o registro do Contrato Social e liberação do CNPJ (Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica). O custo para isso é de R$ 1000. 

É muito importante reforçar que esse valor atende apenas algumas modalidades e que o ideal é definir pontualmente o valor da sua empresa.

Com o Contrato Social pronto, será necessário levá-lo até a Junta Comercial, órgão do Governo que tem como responsabilidade realizar e armazenar os registros de atividades ligadas a empresas e sociedades empresariais.

Outros Custos na hora de abrir uma empresa 

Os tópicos anteriores trataram apenas das tarifas obrigatórias que devem ser pagas para abrir uma empresa. Essa é a parte burocrática do processo, quando você informa o governo que quer começar um negócio próprio. 

Mas depois disso, há muitos outros custos para o negócio começar de vez. É necessário ter um capital grande para dar o pontapé inicial. 

Espaço Físico 

Independente se for abrir uma loja física ou investir num e-commerce, é preciso ter um lugar para atender os clientes e possuir um estoque. Então, tenha um capital inicial para comprar ou alugar um espaço. 

Estrutura 

Para um negócio funcionar, é preciso de uma infraestrutura de qualidade. Se está pensando em uma agência de publicidade, por exemplo, computadores de alta qualidade para edição de vídeos e produção de peças publicitárias.

Além disso, um ambiente arejado e confortável para oferecer aos funcionários e clientes. Ninguém gosta de ir numa loja desconfortável, onde a pessoa faz tudo com pressa para querer ir embora o mais rápido possível. 

Funcionários

O seu negócio vai ter funcionários? Se a resposta for sim, será preciso remunerá-los. Vai contratar no esquema CLT ou PJ? Independente da resposta aqui, eles vão ser custos para a empresa. Atrasar salários não é uma opção.